Sou Agro > Notícias > Agrosustentável > Boas práticas agrícolas caem na estrada
17 de agosto de 2012
Boas práticas agrícolas caem na estrada

Carreta especial e Dia do Campo Limpo disseminam uso correto de defensivos

Luiz Silveira

Dois eventos marcaram nesta semana a importância das boas práticas no uso de defensivos agrícolas, um tema que envolve cada vez mais a cadeia do agro. Este sábado (18) é o Dia Nacional do Campo Limpo, que teve suas comemorações em 22 estados antecipada para esta sexta-feira. Na quinta-feira, foi lançada em São Paulo uma carreta que, além de transportar agrodefensivos, levará aos produtores e revendas materiais e informações sobre boas práticas agrícolas.

A carreta foi lançada em uma parceria da operadora logística Luft e a Associação Nacional de Defesa Vegetal (Andef). O veículo vai participar de eventos especiais pelo Brasil, mas seu dia a dia será como a de outra carreta qualquer utilizada no transporte de defensivos agrícolas e suas embalagens vazias. “O motorista será uma pessoa treinada para levar materiais, vídeos e informações de educação sobre as boas práticas para todos os locais do País”, explica o gerente de educação da Andef, José Annes Marinho.

Assim, a carreta será integrada ao cotidiano do agro, e não uma ação independente de educação. Além disso, Marinho acredita que seu trânsito pelas principais regiões agrícolas despertará, por si só, o interesse de produtores rurais e do público em geral. O veículo leva a marca do Andefino, o mascote da área de educação da Andef, e será bem visível por onde passar.

Marinho acredita que a iniciativa também fará os agricultores conhecerem melhor a logística dos defensivos agrícolas. “Uma das coisas que teremos a oportunidade de mostrar melhor na carreta é a forma correta de se transportar os defensivos, mesmo que em pequena quantidade e em pequenos percursos”, explica ele.

Essa compreensão dos cuidados que são tomados em toda a cadeia dos agrodefensivos antes de eles chegarem às fazendas também poderá contribuir para a conscientização sobre a importância de se descartar corretamente as embalagens vazias desses produtos. O Brasil já recolhe e dá a destinação correta a 94% dessas embalagens, mas sempre há como melhorar.

Nesta sexta-feira foram realizadas as comemorações do Dia Nacional do Campo Limpo em 22 estados, justamente para ampliar a conscientização sobre o tema. A data é organizada pelo Sistema Campo Limpo, o programa de logística reversa de embalagens vazias de agrodefensivos que envolve empresas e entidades que representam as indústrias, as revendas e os agricultores.

A previsão era de que 120 mil pessoas se envolveriam nas comemorações, que incluem ações nas escolas das regiões em que estão as centrais de recebimento das embalagens. Além disso, 66 centrais abriram suas portas à comunidade para mostrar o funcionamento do sistema de logística reversa.

Divulgação

Deixe uma resposta