Sou Agro > Tempo Real > Vacinação contra aftosa em áreas do MS terá Força Nacional
17 de maio de 2012
Vacinação contra aftosa em áreas do MS terá Força Nacional

Objetivo é viabilizar a imunização contra a doença em 68 mil cabeças de bovinos

Agência Estado

A Força de Segurança Nacional e a Polícia Federal irão acompanhar os produtores rurais para a vacinação do rebanho bovino nas fazendas invadidas por indígenas na região do pantanal de Mato Grosso do Sul.

A decisão foi anunciada nesta quinta-feira pelo ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo (PT-SPP), em reunião com o governador André Puccinelli (PMDB-MS) e um grupo formado pelo presidente da Federação da Agricultura e Pecuária de MS (Famasul), Eduardo Riedel, e presidentes de sindicatos rurais.

Na saída do encontro, Puccinelli disse que o objetivo é viabilizar a imunização contra a aftosa de 68 mil cabeças de bovinos que foram deixadas pelos criadores em 11 fazendas ocupadas pelos indígenas nas últimas semanas.

Segundo o governador, ficou assegurado com o governo federal que haverá maior interlocução com os “patrícios indígenas”, para evitar problemas, como entraves para vacinação do gado e bloqueio de estradas.

O presidente da Famasul disse que na sexta-feira haverá uma reunião em Bonito (MS), para definir como será a vacinação do rebanho nas fazendas ocupadas pelos índios no Pantanal. A campanha de vacinação contra aftosa na região começou no dia 1º de maio e vai até 15 de junho.

Deixe uma resposta