Sou Agro > Tempo Real > Venda de carne da Austrália para mercados menores deve subir
19 de junho de 2012
Venda de carne da Austrália para mercados menores deve subir

Embarques australianos para estes países, como, por exemplo, Taiwan devem aumentar 4% no próximo ano fiscal

Agência Estado

Os exportadores de carne bovina da Austrália devem direcionar volumes um pouco maiores para mercados menos expressivos como Taiwan, enquanto mantém os embarques para seus principais mercados – Japão, Estados Unidos e Coreia do Sul -, informou nesta terça-feira a agência governamental de commodities do país.

Os embarques para mercados menores devem aumentar 4% no próximo ano fiscal, para 313 mil toneladas de carne desossada, seguindo um crescimento de 5% no ano que termina em 30 de junho, disse a Agência Australiana de Agricultura e Recursos Econômicos e Ciências (Abares, na sigla em inglês) em seu relatório trimestral.

As exportações anuais da Austrália, um dos maiores fornecedores mundiais do produto ao lado do Brasil e dos Estados Unidos, devem atingir 4,47 bilhões de dólares australianos (US$ 4,52 bilhões) no próximo ano, praticamente o mesmo deste ano.

A importação de carne americana por parte de Taiwan quase acabou devido à proibição do uso de ractopamina pelos EUA. Este é um dos fatores que deve aumentar a demanda por carne australiana, que saltou cerca de 23%, para perto de 38 mil toneladas neste ano.

A agência prevê um aumento de 7,3% das exportações aos EUA no próximo ano, para 220 mil toneladas, mas os embarques para o Japão devem cair 3,1%, para 315 mil toneladas e recuar 2,4%, para 122 mil toneladas para a Coreia do Sul. Segundo a Abares, o total de embarques de carne bovina aumentará 1,6%, para 970 mil toneladas. As informações são da Dow Jones.

Deixe uma resposta